06/02/2017

Professora é voluntária em campos de refugiados na Grécia

A professora de Direito Internacional e Diretiros Humanos, Angela Tsatlogiannis, atuou como voluntária em campos de refugiados na Grécia, durante o mês de janeiro.


Professora Angela Tsatlogiannis atuou como voluntária em campos de refugiados na Grécia

Para ajudar a dar vida ao projeto de voluntariado humanitário, foi realizada uma campanha de financiamento coletivo online, que mobilizou alunos, professores, amigos e simpatizantes da causa nas redes sociais. Após cumprir os requisitos exigidos e ser aceita pela ONG A Drop in the Ocean, a professora foi alocada nos campos de Nea Kavala e Chios, na Grécia, onde atuou na triagem de doações e junto às famílias que chegam, majoritariamente, da Síria.

Angela descreveu um cenário de muita tristeza e acredita que o mundo não tem a real dimensão da tragédia que é a questão dos refugiados na Europa. Segundo a professora, a experiência foi intensa, já que a situação é caótica sob vários aspectos. “O inverno está sendo um dos mais rigorosos na Europa e essas pessoas chegam praticamente com a roupa do corpo. São adultos e crianças que não escolheram deixar suas casas, e o idioma e a cultura também são barreiras cruéis para a integração. É preciso falar mais sobre essa triste realidade”, explicou.

Além de chamar a atenção de autoridades, estudiosos e cidadãos comuns para o drama real da crise migratória no mundo, o projeto, que envolve palestras de compartilhamento dessa vivência, tem como objetivo, aprimorar e fomentar o trabalho que a professora já realiza no Brasil, junto aos seus alunos, com os imigrantes humanitários e refugiados que aqui chegam, como assessoria jurídica, palestras, ensino de idiomas e outras ações.


Registro de um dos campos de refugiados, onde a professora realizou trabalho voluntário